Você está aqui

Economia Criativa e Cidades Criativas

Objetivo 

Decifrar os conceitos de economia criativa e cidades criativas, colocando-os em contexto e demonstrando como se dá a convergência de objetivos econômicos, sociais, culturais e urbanos, em uma nova lógica mundial.

Público Alvo 

Gestores de empresas e empreendimentos criativos (música, audiovisual, editorial, artes, arquitetura, design, propaganda, softwares etc.), gestores de fundos de investimento, gestores públicos, planejadores urbanos, turismólogos, economistas, sociólogos, advogados atuantes em direitos de propriedade intelectual, gestores de instituições culturais, fundações e institutos ligados aos setores criativos.

Metodologia 

As aulas serão ministradas por professores da FGV e peritos de envergadura internacional na prática da economia criativa e das cidades criativas. As discussões se darão conciliando fundamentos conceituais e estudos de caso nacionais e de outros países.

Programa 

Estruturantes
Contexto e eclosão do conceito de economia criativa (Profa. Ana Carla Fonseca)
O Papel do Brasil na economia contemporânea (Profa. Lidia Goldenstein)
Cidades criativas (Profa. Ana Carla Fonseca)

Setoriais
Gestão de espaços criativos (Prof. Antonio Carlos Sartini)
Música - uma indústria em revolução (Profa. Monyca Motta)
Cadeia de valor da moda – SPFW (Profa. Graça Cabral)
Games: do lúdico ao business (Prof. Emiliano de Castro)
Da propaganda à experiência criativa (Prof. Otavio Dias)

Transversais

Design - olhares sobre um mundo em transformação (Prof.Marcelo Rosenbaum)
Turismo e desenvolvimento nas cidades criativas (Prof. Caio Luiz de Carvalho)
Planejamento e projetos em economia criativa (Profa. Rossana Pavanelli)
Inteligência coletiva e governanças urbanas (Prof. Alejandro Castañé)

Investimento: 

» Os planos de investimentos serão válidos para as matrículas efetivadas até as datas apresentadas acima. O processo de matrícula compreende entrega da documentação, assinatura do contrato e pagamento da primeira parcela. Todo parcelamento incide juros de 2,0% a.m.

» Outras formas de pagamento: Clique aqui

 

Processo Seletivo 

Clique aqui para obter mais informações sobre o processo seletivo.

Documentação necessária 

Documentação exigida no ato da matrícula:

» Diploma de nível superior ou Certificado de Conclusão do curso de Graduação ou a carteira de identidade profissional, emitida por órgão de classe de profissões regulamentadas; (*)
» Cédula de Identidade e CPF; (*)
» Comprovante de residência; (*)
» Ex-alunos: certificado de conclusão de curso realizado na FGV. (**)

(*) somente cópias autenticadas ou documentos originais para autenticação no ato da matrícula. A Declaração de conclusão deverá ter sido emitida há no máximo 12 meses pela Instituição de Ensino Superior onde o curso foi realizado.
(**) ex-alunos da FGV têm direito a um percentual de desconto sobre o valor total do curso, que será informado no ato da matrícula mediante apresentação da documentação exigida.

Observações 

Eventualmente as aulas poderão ser ministradas fora das instalações da FGV.

Para todos os cursos o candidato deverá comprovar sua formação em nível superior (diploma do curso de graduação). Os cursos poderão requerer formação específica, como também, o tempo de experiência comprovada, conforme necessidade de cada curso.